W RUN THE FINISHER NUTRIÇÃO TREINO SABER VIVER PRODUTOS VÍDEOS FOTOS CALENDÁRIO BLOGS FÔLEGO

CONTEÚDO EXCLUSIVO

Insira seu email abaixo e clique em "Enviar". Você receberá sua senha no email indicado.
Email:

Entre com o seu cadastro do Sua Corrida.

Email:
Senha:
OU

Ainda não é usuário do nosso conteúdo exclusivo?

Quando procurar um médico nutrólogo?

Entenda o papel desse profissional que lida com qualquer doença ou benefício provocados pelos comportamentos alimentares – e que pode ser muito útil aos corredores

Por: Mariana Gianjoppe - São Paulo - 27/09/2013
Compartilhe
Foto: Thinkstock.

Foto: Thinkstock.

Se você está com dificuldades para emagrecer, não consegue adequar a alimentação à necessidade dos treinos ou se sente cansado demais, procura a ajuda de quem? A primeira resposta que vem à cabeça é “um nutricionista”. No entanto, é cada vez maior o número de pessoas que optam por outra alternativa: um médico nutrólogo.

Cada um desses profissionais tem um papel diferente e , inclusive, complementam-se. “O médico nutrólogo, por sua formação, tem a obrigação de fazer um diagnóstico”, explica Milton Mizumoto, da Associação Brasileira de Nutrologia. “O ideal é que, ao invés de focar apenas nos sintomas, ele faça um diagnóstico etiológico, ou seja, procure as causas do problema. A partir daí, é possível recomendar o tratamento adequado, que não necessariamente depende de remédios”, explica.

Se a deficiência estiver na alimentação, o próprio nutrólogo pode prescrever uma dieta, ou então indicar o acompanhamento de um nutricionista. Mas não é só, há outros profissionais que se tornam aliados de um tratamento multidisciplinar, como educadores físicos, fisioterapeutas, psicólogos – tudo depende do diagnóstico encontrado.

“O nutrólogo deve entender não só de nutrição, mas relacioná-la a muitas outras disciplinas, como ortopedia, oncologia, cardiologia, medicina esportiva, entre muitas outras. Somos praticamente clínicos gerais”, brinca Mizumoto, que também é especialista em ortopedia e medicina esportiva. Segundo ele, a nutrologia é a especialidade médica que lida com qualquer doença ou benefício provocados pelos comportamentos alimentares, o que inclui desde anemia até obesidade, diabetes, câncer, anorexia nervosa e osteoporose.

Nutrologia esportiva
Para quem corre, o médico nutrólogo pode ser muito útil na promoção da saúde, na melhora do desempenho, na recuperação pós-exercício e no diagnóstico ou prevenção de enfermidades. Com o auxílio de exames específicos, somados à avaliação clínica, o especialista poderá identificar carências ou excessos de sua rotina dietética que influenciem seu rendimento no esporte, assim como seu bem-estar geral, indicando a melhor solução.

“O principal problema hoje entre os esportistas não é o desequilíbrio de nutrientes pré ou pós-treino, mas, sim, a escolha de hábitos alimentares sem embasamento científico. O corredor pesquisa sobre um alimento na internet e assume como verdade absoluta, incluindo-o sem moderação ou eliminando-o completamente de sua dieta”, alerta Milton, lembrando que, principalmente em relação aos suplementos, o ideal seria procurar um médico antes de iniciar ou interromper o consumo.

Obrigado por avaliar esta matéria.
19 pessoas deram uma medalha para esta matéria.
Esta matéria merece uma medalha?
Compartilhe

MATÉRIAS relacionadas

NOSSOS BLOGS

TAGS
NEWSLETTER
EVENTOS
próximo evento VENUS 15K RJ 09 DE OUTUBRO