W RUN THE FINISHER NUTRIÇÃO TREINO SABER VIVER PRODUTOS VÍDEOS FOTOS CALENDÁRIO BLOGS FÔLEGO

CONTEÚDO EXCLUSIVO

Insira seu email abaixo e clique em "Enviar". Você receberá sua senha no email indicado.
Email:

Entre com o seu cadastro do Sua Corrida.

Email:
Senha:
OU

Ainda não é usuário do nosso conteúdo exclusivo?

Teacrina: suplemento promete turbinar o treino

A substância traz benefícios para a performance muito semelhantes à cafeína, mas não causa tolerância

Por: Fellipe Savioli - São Paulo - 25/11/2016
Compartilhe
Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Desde 2004, quando a cafeína foi tirada da lista de substâncias proibidas pela Agência Mundial Antidoping (WADA), vários treinadores e nutricionistas passaram a repetir a seguinte frase para seus atletas: “Use cafeína nos dias de competição, pois ela é o único estimulante liberado”. E, assim, pílulas, cápsulas e bebidas com a substância começaram a fazer parte da suplementação de muitos corredores profissionais e amadores.

Mas, apesar de trazer diversos benefícios para os praticantes de atividade física, a cafeína tem algumas limitações. Ela pode gerar efeitos adversos como aumento da frequência cardíaca e irritação. Além disso, seu uso causa tolerância. Ou seja, com o tempo, o organismo se “acostuma” com a substância e você necessita de doses cada vez maiores para alcançar os efeitos desejados.

MAIS
8 suplementos para aumentar seu desempenho
Tire suas dúvidas sobre gel de carboidrato
Guia de suplementos para corredores

Por tudo isso, para realmente aumentar a performance esportiva, a cafeína somente pode ser utilizada no dia de competição (claro, deve-se fazer um teste prévio do suplemento no treino, para avaliar se ele não trará algum desconforto). Se você utilizar a substância diariamente, vai chegar uma hora que precisará consumir uma quantidade acima do limite saudável (400 mg por dia) para obter melhoras no treino. Mais: quando a ingestão é regular, o atleta acaba não ganhando desempenho com o uso do suplemento após certo tempo e ainda precisa seguir usando a cafeína para manter a performance basal (padrão).

“Ah, mas eu fico com mais energia quando tomo um cafezinho no trabalho!” Sim, muitas pessoas podem sentir isso ao consumir a bebida todos os dias, mas elas estão confundido os efeitos da cafeína. Na verdade, essa sensação de euforia que ela traz é mais por “saciar um vício” do que por seu efeito estimulante.

A vez da teacrina
Essa nova substância surge como uma boa alternativa à cafeína, pois oferece os mesmos efeitos positivos (aumenta a disposição, o desempenho, inibe a fadiga, acelera a queima de gordura…) sem causar tolerância ou acelerar os batimentos cardíacos. Outra vantagem é que ela promete elevar a concentração.

A teacrina é encontrada em algumas ervas, como a Camellia assemica, uma variação indiana da Camellia sinensis, usada para fazer o chá-verde, branco, preto. A orientação é utilizar a substância, encontrada em cápsulas, pelo menos uma hora antes de iniciar a atividade física – tempo maior do que o indicado para a cafeína.

Embora muitos atletas já apostem na teacrina, o momento ainda é de pesquisa. Ela precisa ser melhor estudada para saber se seu uso prolongado pode trazer algum prejuízo à saúde. Portanto, lembre-se, antes de ingerir a substância ou qualquer outro suplemento, consulte-se com um nutricionista e um médico do esporte.

fellipepb*Dr. Fellipe Savioli é ortopedista,
especialista em medicina esportiva,
fellow (membro) da Steadman-Hawkins
Clinic, no Colorado (EUA), e triatleta.

 

 

 

Obrigado por avaliar esta matéria.
11 pessoas deram uma medalha para esta matéria.
Esta matéria merece uma medalha?
Compartilhe

MATÉRIAS relacionadas

NOSSOS BLOGS

TAGS
NEWSLETTER
EVENTOS
próximo evento VENUS 15K RJ 09 DE OUTUBRO